Se cala a voz do Rádio - Morre aos 80 anos o radialista Luziário Pinto de Andrade

Por Publicado em:21/05/2021 | Atualizado em:21/05/2021 79

Poucos o conheciam pessoalmente, mas difícil imaginar quem não tenha ouvido o prefixo da “Rádio Inconfidência: Brasileiríssima!”, pois a voz que deu vida ao slogan da emissora e foi considerada a “Voz Padrão do Rádio Mineiro” se calou na segunda-feira, dia 17. Morreu Luziário Pinto de Andrade, também conhecido apenas como Pinto de Andrade, que era natural de Divinópolis. Luziário começou a carreira como locutor aos 18 anos em sua terra natal, na Rádio Minas AM, hoje Minas FM. Anos mais tarde passou a ser locutor da Rádio Clube de Itaúna AM, hoje Rádio Conexão FM.
Na década de 60 mudou-se para Belo Horizonte, onde passou pelas rádios Cultura AM, Del’Rey (98FM), Itatiaia AM, Capital AM, Mineira AM e Rádio Inconfidência.
Luziário também emprestou sua voz aos Diários Associados, atuando na extinta TV Itacolomi, hoje TV Alterosa, onde foi um dos primeiros negros mineiros a emprestar sua imagem para a televisão no estado.
Dono de uma voz marcante e uma dicção invejável, Luziário também foi um dos maiores destaques na locução jornalística de Minas Gerais e uma das vozes mais requisitadas da área comercial entre os anos 70 e 80. Deixa 6 filhos, dentre eles o também locutor Luigi Stéfano, 9 netos e 1 bisneto. Luziário Pinto de Andrade, 1941 a 2021 - Requiesce in pace (Descanse em paz).

Última modificação em Sexta, 21 Mai 2021 19:04

Compartilhe esta notícia